A Inteligência e a Loucura Vivem em Simbiose

A inteligência e a loucura estão realmente ligadas, elas vivem juntas. Um grupo de especialistas debateu esse tema, no evento realizado em Nova Iorque, no 5º Festival Anual Mundial de Ciência.

Um estudo testou, a inteligência de 700 mil suecos de 16 anos de idade, para saber quais deles haviam desenvolvido alguma doença mental. Eles descobriram que pessoas que se sobressaiam com 16 anos eram quatro vezes mais propensas a desenvolver o Transtorno Bipolar. Ele causa oscilações de humor, que vai da felicidade à depressão.

O estudo apresentado pelo neurobiólogo da Universidade da Califórnia, James Fallon, concluiu que as pessoas com esse problema são criativas quando estão saindo da depressão.

Quando o humor do paciente bipolar melhora, seus ciclos de atividade cerebral se desenvolvem. Então a criatividade tem a ver com a bipolaridade.

Segundos os cientistas, mesmo com os benefícios da genialidade, os indivíduos nem sempre consideram que os seus momentos de brilho valem à pena frente ao extenso sofrimento que vem junto.

Fica a dica!

“O maior prazer de um homem inteligente é bancar o idiota diante de um idiota que banca o inteligente”

Seja o primeiro a comentar em "A Inteligência e a Loucura Vivem em Simbiose"

Comente isso

Seu e-mail não será publicado.


*