A Mente Humana e suas manias

Hoje voltando de minha caminhada, passei por uma livraria, e olhando a vitrine, o livro “Mentes e Manias”, chamou a minha atenção, pois tenho muitas manias, que a cada dia estão piores, também descobri que a ansiedade é a causa de tudo. Estou estudando sobre o TOC, e descobrindo coisas muito interessantes. Também descobri que quando as manias começam a atrapalhar nossas vidas, elas já não são mais manias e sim TOC.

Existem pessoas que só saem de casa depois de conferir se portas e janelas estão trancadas. Outras apresentam medo exagerado de contaminação e, por isso, lavam as mãos várias vezes, tomam banhos intermináveis, ou limpam a casa de forma repetitiva, estes hábitos já estão longe de ser simples “manias”.

Eu recomendo este livro da Dra. Ana Beatriz Barbosa, que fala sobre “Manias e TOC(Transtorno Obsessivo-compulsivo), no livro Mentes e Manias.

Todos nós temos muitas manias, que as vezes tornam-se exageradas, e quando a pessoa não consegue mais viver, limitando a vida e causando muito sofrimento, então é TOC.

As compulsões mais comuns do TOC são:
– Limpeza e lavagem: lavar-se em excesso a ponto de irritar a pele; banhos intermináveis.

– Ordenação e simetria: rituais desgastantes para que as coisas fiquem absolutamente organizadas ou simétricas, sem necessidade.

– Verificação: conferir inúmeras vezes janelas, portas, botões de fogão, torneiras, bicos de gás, ou se o despertador está mesmo programado, etc.

– Contagem: contar até dez em ordem crescente ou decrescente; ou até determinado número para expulsar pensamentos ruins; ter que repetir uma ação um determinado número de vezes.

– Colecionamento: entulhar a casa com caixas, jornais, vidros, manuais, garrafas plásticas, laços de presentes, restos de lápis.

Como tratar a doença?
É preciso usar remédios, mesmo em crianças. Na maioria das vezes, antidepressivos, associados à terapia.

O que desencadeia o TOC?
Tem a ver com a genética, parentes de primeiro grau de alguém que sofre de TOC têm 35% de chance de também ter. Os de segundo grau têm entre 15% e 20% de chance. A doença está lá, esperando o momento de se manifestar. Mas é preciso um trauma, para que ela começar a se manifestar.

Publicações da autora: Mentes Inquietas, Mentes e Manias, Mentes Perigosas: o psicopata mora ao lado, Bullying: mentes perigosas nas escolas, Mentes Ansiosas: medo e ansiedade além dos limites.

Seja o primeiro a comentar "A Mente Humana e suas manias"

Comente

Seu e-mail não será publicado


*