Quem se isola por muito tempo, tem dificuldade para Socializar-se Novamente

De acordo com um estudo da Universidade de medicina dos Estados Unidos, as pessoas que se acostumam a viver sozinhas, isolando-se do convívio social por um período prolongado podem provocar alterações no cérebro.

Quando uma pessoa se acostuma a viver sozinha, ela tem muita dificuldade para voltar a viver em sociedade novamente, pois o isolamento provoca mudanças no comportamento e também a diminuição da mielina, parte branca do cérebro. O estudo mostrou que a tensão do isolamento social interrompe a sua atividade.

Mas o cérebro humano é capaz de se adaptar às mudanças ambientais e novas experiências. Manter boas amizades poderá reverter as consequências negativas do isolamento e aumentar a produção de mielina.

Essas alterações ocorrem também na esclerose múltipla e na depressão.

Seja o primeiro a comentar em "Quem se isola por muito tempo, tem dificuldade para Socializar-se Novamente"

Comente isso

Seu e-mail não será publicado.


*